fbpx
Publicado em: 26/10/2022

Diferenças culturais, linguísticas e até de clima no check list dos profissionais

Como lidar com temperaturas que chegam até a -50 graus, nevascas, utilização de novas tecnologias, integração de informações e uso de tendências como a eletrificação veicular estão no radar de profissionais brasileiros que atuam em outros países.

Mediado por Renato Rattis, o painel “Brasileiros de FM/RE no exterior” trouxe ao público uma provocação sobre diferenças culturais, linguísticas, de equipamentos, edificações e legislação de outros países ao redor do mundo sob a ótica do profissional de FM.

Com tarefas inusitadas como remoção de neve, manutenção de estações para alimentação elétrica de veículos, além das iniciativas para equalizar o formato híbrido de trabalho foram listadas pelos painelistas Margarete Almeida (Portugal), Paul Bruning (Holanda) e Rodrigo Damas (Canadá).

Em comum, os convidados reforçaram a importância da fluência em inglês para o bom desempenho nos mais diversos países. Além disso, os convidados também deram dicas valiosas de como buscar e se candidatar a uma colocação profissional. 

#ABRAFAC

#CONGRESSOABRAFAC2022

Compartilhe nas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.