Evento online foi promovido pela BeerOrCoffee nesta quarta-feira, 27 de maio.

O presidente da ABRAFAC – Associação Brasileira de Facilities, Thiago Santana, integrou o um webinar sobre a volta dos trabalhadores aos escritórios após o fim da pandemia de Covid-19. O debate online foi promovido pela BeerOrCoffee nesta quarta-feira, 27 de maio, por meio do canal do YouTube da empresa.

O objetivo do evento virtual foi debater o impacto da pandemia no setor de facilities, falar sobre os principais desafios no momento e as perspectivas para o retorno aos escritórios.

Durante o painel “Como os facilities estão adaptando os escritórios”, nesta quarta-feira, foram abordadas as medidas tomadas pelas empresas para garantir uma volta segura, além das previsões para os próximos meses e anos.

“Gosto muito da definição que a ISO acabou de lançar sobre o Facility Management, que é a função organizacional que integra pessoas, processos e ambientes, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida em nossos negócios”, afirmou Thiago Santana, em sua fala inicial.

“Para mim, a experiência dos usuários [clientes finais, funcionários, colaboradores e nossos pares] é a chave para fazer essa migração da visão e a forma com a qual somos reconhecidos, de que nós temos papel fundamental na entrega da estratégia de qualquer organização, do resultado e do objetivo final de qualquer tipo de negócio e segmento, somos parte intrínseca disso”, completou.

O presidente apresentou ainda a visão de que quanto mais próximo e mais traduzido for o trabalho do Facility Manager, melhores serão os resultados. Acima disso, também será possível falar a linguagem do negócio, fazendo com que as pessoas consigam sentir-se parte e donas daquilo que elas fazem. Durante o debate, Santana detalhou este conceito.
Clique aqui para assistir.

O webinar foi mediado pela CEO do BeerOrCoffee, Roberta Vasconcellos. Na visão da executiva, o Facility Management sempre foi muito estratégico, mas ultimamente ganhou mais visibilidade e importância.

“O que a gente tem escutado, mais do que nunca, é que as empresas querem saber como se organizar de forma estratégica, pelo fato de a questão do futuro do trabalho ter sido adiantada e as formas de trabalho modificadas devido à pandemia. Por isso estamos nesse painel, porque isso perpassa pelos pontos de espaço, processo, pessoas, bem-estar e produtividade, portanto transpassa o ambiente do escritório físico”, afirmou.

Experiência das empresas

Durante o debate, os participantes também falaram sobre as adaptações que precisaram ser feitas por conta da pandemia de Covid-19. Neste caso, a Head de Facilities na 99, Vanessa Zietlow, que integrou a conversa online, explicou sobre a dinâmica da empresa neste período delicado.

“Na 99, a gente já tem mais expertise da China, então a gente já vinha acompanhando muito dos colaboradores de lá. Não esperávamos que chegaria tão rápido, então em meados de fevereiro a gente já tinha todas as informações e estava preparado para o que poderia vir para cá”, disse Vanessa.

“Cada área deixou isso muito tranquilo entre seus funcionários, caso eles quisessem começar o home office antes de começar a quarentena, porque não era uma prática usual antes. Assim, pensamos genuinamente nas pessoas e deixamos todos à vontade para ficar em segurança, trabalhando de casa”, detalhou.

Por sua vez, o Head de Facilities, Real State e Office IT no Movile Group, Peter Kawamura, também integrou o debate e falou sobre esta experiência na empresa, durante a pandemia do coronavírus.

“Somos uma empresa de tecnologia. Ninguém nunca passou por isso antes, a gente vinha acompanhando e decidiu que todo mundo deveria fazer home office. Foi uma decisão do grupo e todo mundo foi, 4 mil funcionários. O papel do facilities é estratégico, muito importante nesse momento, porque a gente dá o suporte para as pessoas”, pontuou.

Papel do FM

Na visão do presidente da ABRAFAC, estas e outras mudanças não podem ser consideradas revolucionárias, pois já estavam prestes a acontecer. Desta forma, o papel dos gestores de facilities é essencial e engloba a importância de estar antenado para saber de todas as alternativas existentes, assim, durante a necessidade provocada pela pandemia, os recursos disponíveis foram utilizados, reduzindo o impacto nas empresas.

“As pessoas falam que o futuro chegou, mas a gente só implantou o presente. O home office, trabalho remoto, existe há muitos anos. A telemedicina, por exemplo, está sendo colocada como uma das grandes revoluções, mas é amparada por uma regulamentação de quase dez anos. Ou seja, a gente só acelerou coisas que já estavam aqui”, disse.

Os profissionais também discutiram as perspectivas das empresas de Facilities Management em diversos setores para o período pós-pandemia, novos protocolos de higiene e segurança. Foram apresentadas expectativas para as áreas de atuação da 99, do Movile Group e para o FM, de modo geral.

O vídeo está disponível na íntegra no canal do YouTube da BeerOrCoffee. O debate realizado nesta quarta-feira integra o Webinar Week, evento promovido pela empresa, de 25 a 28 de maio, às 20h (todos os dias), com o tema “Volta ao Escritório – O Futuro é Flexível”.

Por Jéssica Marques/Foco 21 Comunicação 

Compartilhe nas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Associe-se
Área de Associado