Como membro da Associação, profissional já atuou nos conselhos Fiscal e Deliberativo.

Um dos principais objetivos da atual Diretoria Executiva é fazer com que os associados tenham a melhor experiência possível na Associação Brasileira de Facility Management, Property e Workplace – ABRAFAC. Para isso, o suporte financeiro é essencial e o diretor tesoureiro José de Andrade Sandim Neto trabalha para garantir que tudo esteja em ordem neste quesito.

A atuação do diretor na ABRAFAC teve início em 2008. Em 2015, foi eleito para compor no Conselho Fiscal e posteriormente o Conselho Deliberativo. Ao longo destes anos, Sandim pode aprender com membros e associados, além de transmitir ensinamentos, por meio de trocas de experiências e de conhecimento técnico, conforme detalhou em entrevista ao Portal ABRAFAC.

“A associação tem como principal função ser o centro das discussões dos assuntos relacionados ao setor de Facility Management, Property e Workplace e ser um facilitador no acesso às informações mais atuais e melhores práticas do mercado. Neste sentido, considerando este cenário pandêmico, a atuação da ABRAFAC foi e é de extrema importância para que os profissionais sintam que têm um lugar para buscar estas informações, casos de sucesso, debater com profissionais de grande experiência na área e aplicar todo este o conhecimento em suas empresas”, diz.

A entrevista integra a série Perfil ABRAFAC 2ª edição, que teve início em 2020 com o objetivo de homenagear os membros que fazem parte da história de sucesso da Associação.

Confira:

Portal ABRAFAC – Sua atuação na ABRAFAC teve início em 2008. Como foram suas experiências na associação, tanto no Conselho Fiscal quanto no Conselho Deliberativo? 

José de Andrade Sandim Neto – Exato, contudo, comecei a entender e participar dos eventos de forma mais efetiva em 2015, quando fui eleito para compor no Conselho Fiscal e posteriormente o Conselho Deliberativo. Neste período, além dos trabalhos internos e necessários para fazer a Associação funcionar, pude aprender com os demais membros e associados através das trocas de experiências e conhecimento técnico.

Portal ABRAFAC – Atualmente, quais são suas expectativas como diretor tesoureiro? 

José de Andrade Sandim Neto – Um dos principais objetivos da atual Diretoria Executiva é fazer com que os Associados tenham a melhor experiência possível dentro da ABRAFAC, ou seja, ter o associado como centro de todo o planejamento da Associação, seja através de artigos, eventos, Congresso ABRAFAC, Prêmio ABRAFAC, obtenção da CBO – Classificação Brasileira de Ocupação, Certificação Profissional e Câmaras Técnicas. Para a realização destas ações o suporte financeiro é importantíssimo e como Diretor Tesoureiro tenho como principal meta manter a saúde financeira da Associação e ampliar ainda mais nossa atuação no mercado para o benefício do profissional de Facility Management.

Portal ABRAFAC – Como a sua participação na ABRAFAC é relevante para o crescimento dos setores de Facility Management, Property e Workplace? 

José de Andrade Sandim Neto – Contribui no sentido de garantir que as ações pensadas pela Diretoria Executiva e Conselho de Administração possam ser construídas e oferecidas aos profissionais de Facility Management e empresas toda a estrutura necessária para a troca de experiências, debates e novas tecnologias, principalmente em relação ao que está acontecendo no Brasil e no mundo em relação à área de Facility Management, Property e Workplace. 

Portal ABRAFAC – E para a sua carreira? 

José de Andrade Sandim Neto – Os desafios e experiência na organização, planejamento e condução de uma entidade do tamanho da ABRAFAC certamente contribuem para elevar o nível de conhecimento no preparo para suportar os desafios futuros. Como coordenador da Área de Orçamento de obras e na ABRAFAC na Tesouraria, por conta do relacionamento com os demais integrantes da Diretoria e Conselho, acabamos aprendendo muito sobre as diversas áreas de Facility Management, como atuam e a importância para o desempenho das atividades no comercio, indústria etc.

Portal ABRAFAC – Em sua visão, qual é a importância da associação para os profissionais do setor, sobretudo neste período de pandemia? 

José de Andrade Sandim Neto – A associação tem como principal função, ser o centro das discussões dos assuntos relacionados ao setor de Facility Management, Property e Workplace e ser um facilitador no acesso as informações mais atuais e melhores práticas do mercado. Neste sentido, considerando este cenário pandêmico, a atuação da ABRAFAC foi e é de extrema importância para que os profissionais sintam que tem um lugar para buscar estas informações, casos de sucesso, debater com profissionais de grande experiencia na área e aplicar todo este o conhecimento em suas empresas. 

Portal ABRAFAC – Em sua carreira, quais foram seus passos até chegar ao setor de Facility Management? 

José de Andrade Sandim Neto – Meu primeiro contato com o setor de Facility Management foi no SESC SP, ao me deparar com toda a estrutura desenvolvida para cuidar da infraestrutura das mais de 40 unidades do SESC e conhecer de perto todo o processo, que passa pela manutenção predial, planejamento das contratações, procedimentos, segurança, limpeza e outros, que pela ação direta dos profissionais de Facility Management garantem a qualidade das edificações do SESC SP. 

Portal ABRAFAC – Qual sua formação acadêmica e em quais empresas trabalhou ao longo de sua carreira? 

José de Andrade Sandim Neto – Sou formado em Engenharia Civil, com pós-graduação em Gerenciamento de Empreendimentos da Construção Civil e Gerenciamento de Projetos. Ao longo de minha carreira, atuei diretamente na construção de prédios comerciais, residências e indústria. Atualmente, coordeno o setor de Orçamentos da Engenharia do SESC SP. 

Portal ABRAFAC – Como você avalia sua trajetória profissional desde o início até os dias atuais? 

José de Andrade Sandim Neto – Comecei a trabalhar muito cedo, com 12 anos em um comercio familiar na venda de materiais de construção. Daquele primeiro contato com a Construção Civil, já sabia qual seria a área de atuação profissional. Com isso em mente, me formei como Técnico em Edificações e na depois em Engenharia Civil.

Desde então, tenho trabalhado na área que escolhi, passando pela atuação direta em obras, planejamento e atualmente na área de Engenharia de Custos. Olhando para trás, entendo que tudo aquilo que havia planejado de certa forma aconteceu e contribuiu para o meu crescimento profissional e como pessoa também.

Portal ABRAFAC – Quais foram os principais desafios que enfrentou ao longo desta jornada e como fez para superá-los? 

José de Andrade Sandim Neto – O primeiro grande desafio foi conseguir uma colocação no mercado logo após estar formado em Engenharia Civil em 2005. Naquela época a economia está em uma crescente, mas ainda faltavam vagas na construção civil. Para conseguir estar no meio, aceitei uma vaga de técnico de edificações como forma de ganhar mais experiência e entender como as coisas funcionavam em uma obra. Depois de um ano, por conta do meu desempenho consegui ser efetivado como Engenheiro de desde então não parei mais.

Portal ABRAFAC – Quais foram as principais conquistas e os momentos mais marcantes? 

José de Andrade Sandim Neto – Acho que em todas as áreas e empresas que atuei tive algum certo de conquista, seja profissional ou pessoal. Como destaque posso citar o trabalho que atualmente venho fazendo no SESC SP, na estruturação de toda a área de orçamento, com a implementação de procedimentos, metodologias para avaliação de reequilíbrios contratuais, Banco de preços para obras e serviços de engenharia, desenvolvimento de modelos de contratações mais efetivas e por último a elaboração de um Manual de Estimativa de Preços para compra e contratações e a capacitação de aproximadamente 400 colaboradores do SESC SP.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Associe-se
Área de Associado