Caio Silveira Guimarães participou do FM Tactics, realizado pela ABRAFAC, em 25 de fevereiro, sobre o tema 

O diretor de Facilities & Maintenance da Telefônica Brasil, Caio Silveira Guimarães, falou ao Portal ABRAFAC sobre a importância da integração entre as áreas de Facility Management, Property e Workplace.

Segundo o profissional, quando existe um propósito na empresa e um norte a seguir, é maior a tendência de atuação integrada e colaborativa entre todas as áreas. “Na Vivo, trabalhamos com Iniciativa, Inovação e Colaboração constante entre as áreas. Desta maneira, ter as áreas cada vez mais integradas e trabalhando em colaboração já é realidade para a maioria dos projetos em que trabalhamos e nas atividades diárias”, disse.

O diretor falou sobre o tema no FM Tactics, um evento online promovido pela Associação Brasileira de Facility Management, Property e Workplace – ABRAFAC, em 25 de fevereiro. Na ocasião, o tema foi o futuro e a integração das três áreas (leia mais) .

Caio Silveira Guimarães é formado pela Escola Politécnica de Engenharia da USP e possui 25 anos de experiência em indústrias de Real Estate, Varejo, Telefonia e Banking. Atuou em empresas como Luciano Wertheim, Gafisa, Itaú-Unibanco, Walmart e Telefônica, nas quais liderou equipes de Gestão Imobiliária, Gestão de Projetos, Expansão, Novos Negócios, Procurement, Engenharia e Facilities.

Confira a entrevista:

Portal ABRAFAC – Qual a importância de participar do FM Tactics para você e para sua empresa? 

Caio Silveira Guimarães – O FM Tactics é uma oportunidade única de trocar experiências com os principais formadores de opinião do setor, com representatividade plural de várias indústrias e com participação de representantes de todos os elos da cadeia (fornecedores, empresas, profissionais do setor etc.).

Por tratar-se de uma área em transformação constante em função das novas tecnologias e ferramentas de análise, é importante manter-se atualizado e ter a mente aberta para aprender e compartilhar lições para podermos de forma mais assertiva nos prepararmos para o cenário futuro que ainda está sendo desenhado. Quanto mais atualizados e alinhados estivermos mais rápido responderemos às necessidades das demandas futuras de uso e ocupação dos edifícios

Portal ABRAFAC – Qual a relevância da integração das áreas de Facility Management, Property e Workplace? 

Caio Silveira Guimarães – Na Vivo trabalhamos com Iniciativa, Inovação e Colaboração constante entre as áreas. Desta maneira, ter as áreas cada vez mais integradas e trabalhando em colaboração já é realidade para a maioria dos projetos em que trabalhamos e nas atividades diárias.

Quando olhamos o ciclo de vida dos ativos desde a aquisição, ocupação, operação, manutenção até uma eventual desmobilização não há como otimizar os ativos e refletir nos espaços a nossa maneira de trabalhar, nossa cultura e nosso DNA a não ser operando com uma visão holística que leve em consideração inputs destas áreas e outras mais (Pessoas, BigData, Áreas de Negócio, etc.). Quando existe um propósito da empresa e um norte a seguir, é maior a tendência de atuação integrada e colaborativa entre todas as áreas.

Portal ABRAFAC – Qual a importância de a Vivo ter flexibilidade para modelos de ocupação de escritório e estar aberta para adaptação de projetos? 

Caio Silveira Guimarães – Somos uma empresa de tecnologia. Nosso propósito de digitalizar para aproximar permeia a empresa. Desta forma, a inovação está em nosso DNA. Da mesma maneira que as tecnologias evoluem rapidamente, as necessidades de nossos clientes para que sejamos seu Hub Digital também evoluem de maneira rápida e dinâmica. Como área de Facilities e Workplace, temos que levar esta mentalidade dinâmica e digital para nossos espaços.

Velocidade e adaptabilidade têm que se traduzir em flexibilidade. Os ambientes de trabalho cada vez devem ser flexíveis para que possam adaptar-se de maneira rápida às mudanças oriundas de nossa maneira de trabalhar e atender nossos clientes. Com certeza esta flexibilidade vai ser refletida nos contratos imobiliários, de Facilities, Ocupação e Manutenção. Mais importante do que “acertar” o layout vai ser construí-lo tão flexível quanto possível para a próxima mudança.

Portal ABRAFAC – Neste mês de março, comemoramos o Dia Internacional da Mulher. Como a empresa valoriza as mulheres nas áreas de Facility Management, Property e Workplace e o que poderia ser feito para melhorar esta valorização do setor em geral? 

Caio Silveira Guimarães – De forma geral, na Vivo não existe nenhuma ação focada apenas em Facilities/WP/Manutenção no que diz respeito a mulheres, porque esta é uma plataforma corporativa…para toda a Vivo!

A Vivo é uma empresa diversa e inclusiva. Acreditamos que a diversidade de pessoas, comportamentos, habilidades e atitudes é um diferencial de inovação, que reflete a sociedade em que vivemos. Cultivamos um ambiente livre de preconceitos para que os profissionais desenvolvam o máximo de seu potencial e vivam seus propósitos pessoais dentro da organização.

Em 2018, lançamos o Programa Vivo Diversidade, no qual compartilhamos mais empatia, sem preconceito; mais troca de experiências, sem bolhas; e mais acolhimento, sem julgamento. Atuamos nos pilares de Gênero, Raça, Pessoa com Deficiência, LGBT, com comitês e grupos de afinidade que contribuem para um ambiente cada vez melhor e mais inclusivo.

Entendemos que a diversidade de gênero precisa ser debatida com profundidade e por isso, na Vivo, os homens também são envolvidos nessa discussão, como forma de ampliar as oportunidades, o acolhimento e acabar com as barreiras que possam para o crescimento profissional das mulheres.

Mantemos programas de mentoria e aceleração de carreira para mulheres. Investimos em programas para formação e desenvolvimento de lideranças, alguns dedicados exclusivamente para mulheres, para desenvolver habilidades, confiança e capacidade de resiliência pessoal para liderar. Temos um programa que fomenta a presença de “Mulheres em áreas técnicas”. Hoje, são 100 mulheres instaladoras e em breve devemos chegar a 300.

Estamos criando books de profissionais Top Talent para que ganhem visibilidade e garantindo pelo menos uma mulher nas finais dos processos seletivos para cargos como gerente e coordenador.

No Programa Abre Aspas – temos conversas entre VPs e gerentes e olhar atento aos talentos femininos em cada área.

Mantemos o Espaço Conexão Materna, com salas em 7 prédios para extração e armazenamento de leite materno. Temos um Short list diretivo com pelo menos 1 mulher e mantemos um banco de talentos feminino.

Além disso, integramos a Coalização Empresarial pelo Fim da Violência contra Mulheres e Meninas e somos signatários dos Princípios de Empoderamento das Mulheres da ONU do +Mulher 360 (2016).

Hoje temos 43% de mulheres na Vivo, 25% de mulheres no Conselho de Administração e 30% de em cargos de liderança e trabalhamos para ampliar cada vez mais as oportunidades.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Associe-se
Área de Associado