fbpx

Em um espaço de apenas cinco anos, o número de internações em hospitais particulares cresceu 51%. Segundo levantamento recente publicado no Observatório 2016, da Associação Nacional de Hospitais Privados (ANAHP), em 2010, houve 466.639 internações; em 2015, o número saltou para 961.440. Face a esse incremento, faz-se mais do que necessário observar a cadeia completa de gerenciamento da permanência hospitalar para melhorar a agilidade desse processo.

 

Atualmente, o Brasil tem cerca de 2,4 leitos por mil habitantes – taxa inferior à do padrão estabelecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que é de 3 a 5 leitos por mil. Entre os principais agravantes do quadro atual está o fechamento de hospitais particulares e redução da mão de obra contratada. Ou seja, menos hospitais e menos colaboradores fazem a demanda por eficiência aumentar.

 

Apesar de o tempo médio de permanência hospitalar estar equilibrado em quatro dias nos últimos cinco anos, (segundo o mesmo documento Observatório 2016, da ANAHP), a gestão precisa dar máxima importância ao giro de leitos para liberação de apartamentos. Do momento em que o paciente é admitido até a emissão da alta, a estadia do paciente deve ter um único objetivo: sua melhora clínica no menor tempo possível.

 

Algumas instituições optam em criar um setor para gerenciamento de leitos. Áreas envolvidas como enfermagem, manutenção, higienização, rouparia e corpo clínico devem ter consciência de seu papel e impactos nas falhas de processo. O preço de um leito parado, lâmpada quebrada, falta de enxoval e até mesmo interdições para pequenas reformas oneram as instituições.

 

O segmento de limpeza profissional está constantemente se reinventando para garantir maior velocidade na higienização dos apartamentos e no serviço de rouparia. A Rubbermaid Commercial Products, uma das líderes mundiais do setor, busca sempre inovar seu portfólio e oferecer novas soluções para o mercado de saúde.

 

Alterações aparentemente simples no design dos produtos podem garantir maior agilidade. Na hora de recolher a roupa suja, por exemplo. A Rubbermaid incluiu canais de ventilação no seu contêiner Brute. Eles evitam que o ar fique preso, fazendo pressão na hora de retirar os sacos. Isso facilita a remoção em até 50%, reduzindo o esforço da atividade e melhorando a produtividade.

 

Outros produtos também se propõem a facilitar e agilizar o serviço de troca. Carros cuba podem ser utilizados com plataforma elevatória, que facilitam o carregamento e descarregamento e facilitam o deslocamento para a área das lavanderias.

 

O sistema Hygen, da Rubbermaid, é utilizado em hospitais como uma solução completa de limpeza. Testado em redes privadas de hospitais e comparada com os sistemas de limpeza padrão, o carrinho tem um desempenho muito superior. Além de reduzir em 98% o consumo de água e em 47% o uso de produtos químicos, o Hygen reduz o tempo total da atividade em 27%.

 

Um quarto de hospital arrumado mais rapidamente significa um leito liberado em menos tempo para um paciente. Em muitos casos, a acomodação e o conforto são o primeiro passo para um tratamento eficiente.

Compartilhe nas redes sociais
02 abr 2019

Os desafios das lideranças na gestão de Facilities em instituições de saúde

Marcelo Boeger, presidente da Sociedade Latino Americana de Hotelaria Hospitalar e coordenador e professor do curso de Especialização de Hotelaria Hospitalar do Hospital Albert Einstein, descreve o universo da saúde, os desafios do setor e a função dos gestores, que são responsáveis por toda a anatomia do edifício hospitalar.

Compartilhe nas redes sociais
04 jul 2019

A verdade sobre os jovens e suas demandas no ambiente de trabalho

O acesso quase irrestrito à tecnologia transformou não apenas o comportamento dos jovens, mas sua maneira de encarar o que é ser adulto. Entendendo que os escritórios de hoje atendem a três ou quatro gerações diferentes, com demandas e anseios particulares, atender às novas gerações sem prejuízo dos colaboradores mais experientes é um desafio para todos os gestores de Facilities.

Compartilhe nas redes sociais